Cart:

0
Nenhum produto no carrinho.

0

Não fazemos envios para outros países

(Entregas somente no território japonês).

(Delivery only in Japanese territory)

Mais Imagens

Cloreto de Magnésio 520 mg-100 comprimidos

Disponível: Em estoque

¥3.400
✓ Envio e shoohizei já estão inclusos no preço

Descrição Rápida

Realmente Eficaz!
**Livre de contaminação por radiação.
Cloreto de Magnésio pode melhorar sintomas da:
Artrose, Artrite, Tendinite, Pressão Alta e muitas outras doenças.
Dose para até 33 dias ou mais.
OU

Detalhes

 

Cloreto de Magnésio

O magnésio é um dos minerais essenciais para a regeneração celular, e é utilizado em mais de 350 reações enzimáticas no organismo, mais do que qualquer outro mineral. Ao lado de oxigênio e iodo, o magnésio é o terceiro elemento mais importante para sustentar a vida, assim como para reverter às doenças e o envelhecimento.

 Estima-se que 80% da população dos países "ocidentais" têm deficiência de magnésio.

O magnésio é um mineral calmante para relaxar os músculos, relaxar as artérias e nervos excitados, enquanto o cálcio contrai os músculos. O nutricionista Thomas Steinmetz descobriu que a deficiência de magnésio foi a causa de morte por ataques cardíacos súbitos em oito milhões de pessoas no período de 1940-1994 nos EUA. O magnésio é rapidamente utilizado pelas glândulas supra-renais em momentos de stress. O magnésio mantém o potencial elétrico (voltagem) através da membrana dos nervos e músculos e aumenta a capacidade das células brancas do sangue para combater as infecções em 300%.

O corpo não retém o magnésio como faz com o cálcio. O magnésio é excretado como resultado de alto estresse, ingestão de açúcar, cafeína, álcool, diarréia, e dietas ricas em proteínas e frutas.

Quando se trata da cura e da própria vida, depois da água que bebemos e do ar que respiramos, o magnésio faz jus a sua importância como o mineral do milagre que pode salvar-nos em época de extrema necessidade. Chamado de "mineral da bela" pelos chineses antigos, sua beleza é vista no poder de cura absoluta que ele contém. É nada menos que um mineral milagroso. Ele tem a chave para centenas de reações enzimáticas essenciais e os processos celulares. Cloreto de Magnésio, quando fornecidos em quantidades suficientes, pode melhorar a fisiologia celular de uma forma muito poderosa. 

Poucos sabem que o Cloreto de Magnésio é um impressionante lutador contra infecção e ainda menos sabem que uma forma eficiente para fornecer magnésio para todas as células é feita por meio transdérmico (Isso aconteceria naturalmente se passamos horas por dia de banho no mar).

Por que precisamos de Magnésio?

O magnésio é essencial para o funcionamento de centenas de processos enzimáticos diferentes no corpo, particularmente aqueles que produzem, armazenam, transportam e utilizam a energia. O magnésio é importante para os seguintes processos metabólicos:

·  Na síntese da proteína: DNA e RNA em nossas células que necessitam de magnésio para o crescimento e desenvolvimento celular.
·  Para aumentar os sinais elétricos que devem percorrer os nervos do nosso corpo (incluindo os impulsos para o cérebro, coração e função pulmonar).
·  Regular e distribuir a energia em todo o corpo.
·  Para pressão arterial normal, tônus vascular. Para transmissão de sinais das células nervosas, e do fluxo sangüíneo.
·  Para nervos e funções musculares.

Os sinais de deficiência de magnésio:

Como o magnésio é fundamental para praticamente todos os processos metabólicos podem ajudar a restabelecer a saúde em quase qualquer distúrbio de saúde e tem sido utilizado como uma pedra angular na terapia sistêmica de minerais e vitaminas desde a década de 1980. O Cloreto de Magnésio deve fornecer benefícios para as pessoas com qualquer um dos distúrbios listados abaixo, mas também tem amplos benefícios para uma boa saúde geral.

A coisa mais importante e crucial que precisamos fazer é compensar, de maneira mais eficiente possível, nossas deficiências de magnésio.

10 Sinais que Indicam a Falta de Magnésio no Corpo

1. Cansaço Excessivo

O primeiro sintoma é a falta de energia e disposição.O magnésio é super importante na produção de ATP (Adenosina Trifosfato) que funciona como uma bateria de energia. A cada vez que comemos, ATP’s são “recarregados” nos dando energia para as atividades do dia a dia e aquelas vitais do organismo. Este mineral auxilia neste recarregamento, por isso a falta dele nos dá a sensação de que estamos cansados e sem energia.

2. Insônia

Que problemão pra muita gente, não é? E o estresse só piora esta situação… Sabe por que? O cortisol, o hormônio do estresse, aumenta a pressão sangüinea e o batimento cardíaco. Isto acontece por causa da falta de magnésio no corpo, pois ele é um dos grandes responsáveis por controlar esta situação. Esta elevação na pressão e nos batimentos nos impedem de relaxar e dormir bem. Por isso, sem magnésio suficiente, dormir se torna um grande problema.

3. Constipação

Os movimentos intestinais diminuem com baixos níveis de magnésio. Por conta disso, você ficará com uma sensação incômoda e terá dificuldades de ir ao banheiro. Se dermos uma olhada nos rótulos de alguns laxantes, percebemos que alguns deles usam magnésio em sua composição. Além disso, o cloreto de magnésio  é conhecido por muitos como um composto com efeitos laxativos.

4. Dores de cabeça e enxaqueca

Este é seu problema? Bom, talvez você achou uma razão para ele existir… A deficiência em magnésio causa a diminuição dos níveis de serotonina, a contração dos vasos sangüineos e afeta as funções neurotransmissoras. Tudo isto é relacionado a dores de cabeça, especialmente enxaquecas. Alguns estudos revelam que pelo menos 50% das pessoas que sofrem enxaqueca tem deficiência em magnésio.

5. Espasmos e Cãibras

O magnésio é importantíssimo para o relaxamento muscular, a falta dele pode provocar movimentos musculares não intencionais como cãibras e espasmos. Dói, é incômodo e a maioria não sabe porque está sentindo esses sintomas… Talvez esteja ai a resposta!

6. Pressão Alta

Estudos clínicos evidenciam que o magnésio é fundamental no controle da pressão sanguínea. O consumo de suplementos e alimentos ricos deste mineral pode ajudar na prevenção contra este problema que atinge tanta gente.

7. Diabetes do Tipo 2

O magnésio auxilia na quebra dos açúcares no sangue, portanto pessoas que consomem alimentos e/ou suplementos ricos neste mineral tem menos risco de desenvolverem a diabetes do tipo 2 – doença gravíssima que tem se tornado muito comum. Existem inclusive alguns estudos que indicam que a cura pode ser alcançada mediante um tratamento específico a base de magnésio.

8. Arritmia Cardíaca

A deficiência nos níveis de magnésio em nosso corpo impede que os nossos batimentos cardíacos se mantenham em nível e ritmo normal. Por isso existem muitos médicos que indicam a ingestão de magnésio para pacientes com arritmia e palpitação.

9. Sensibilidade ao barulho

A sensibilidade ao barulho é consequência de uma grande reflexão do som no ouvido e uma das causas pode ser a má estabilização do sistema nervoso. O magnésio é um ótimo agente que auxilia nesta estabilização! Por isso, se você tem muita hipersensibilidade auditiva.

10. Depressão e Ansiedade

Muitos médicos já sabem disso, mas poucos indicam a ingestão de magnésio para ajudar a tratar este problema. Alguns estudos já provam que algumas fobias são causadas pela deficiência de magnésio no organismo. Um exemplo disso é a Agorafobia, medo de espaços abertos e em meio a multidão.

Aliás, quer uma curiosidade? Você sabe porque pessoas ansiosas querem muito comer chocolates? Chocolates são alimentos ricos em magnésio e estudos comprovam que em meio a uma crise de ansiedade o cérebro detecta que ela está sendo causada pela falta deste mineral. Por meio de um mecanismo, ele avisa você que a ingestão de algum alimento rico deste mineral é necessária. Obviamente, é bem provável que o primeiro alimento que você pensará é o chocolate, pois ele ainda está envolvido com outras sensações de prazer com as quais outros elementos não estão. Por isso, ao ficarem ansiosas a maioria das pessoas tem uma vontade descontrolada de comer chocolates.

 Descrição:

 Uma forma simples de magnésio que é prontamente absorvido. O magnésio é um nutriente essencial, que é inadequado em muitas dietas ocidentais.

 Pesquisas  mostram que o magnésio é importante na produção de energia, e na função e integridade dos músculos, nervos, rins, ossos, coração e artérias. 

 Sugestão de Uso:

 Tome: 1-3 comprimidos por dia antes ou após as refeições.

 Avisos:

 Grávidas ou lactantes,por favor consultar seu médico antes de consumir.

 Se estiver atualmente sob cuidados médicos ou tomando medicamentos sob restrita prescrição,

 consulte seu médico.

 Manter fora do alcance das crianças. Armazenar em local fresco e seco.

Informação Nutricional:
Dose: 1 a 3 comprimidos
Doses por embalagem: 100 comprimidos Dose para 33 dias ou mais  
Quantidade por dose Um comprimido Três Comprimidos Valor Diário
Cloreto de Magnésio 520 mg 1560 mg 15.54
Elemental magnésio 62,17 mg 186,51 mg 46.62
 

O cuidado é necessário em casos de deficiência renal / distúrbios renais.

Cloreto de Magnésio é paradoxalmente tanto calmante como energizante.

O uso prolongado (principalmente se tomado por via oral) tenderá a ajudar a dormir,  mas  em curto prazo os efeitos de ativação em pessoas sensíveis,     especialmente se usado na parte da tarde ou à noite, pode eventualmente causar inquietação ou dificuldade para dormir.

 

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.

IMPORTANTE:

Os produtos e informações oferecidas pela GREEN LIFE GROUP, não se destinam a substituir o aconselhamento médico profissional ou tratamento, se necessário. Nossos suplementos naturais, produtos de ervaria entre outros, não se destinem a diagnosticar, tratar, curar ou prevenir qualquer doença ou condição médica. Nossos produtos de auto-atendimento são projetados para seu conforto pessoal e não se destinam a substituir os dispositivos médicos profissionais.

Resultados individuais podem variar.

A GREEN LIFE GROUP ACONSELHA solicitar o parecer de um profissional qualificado para qualquer problema de saúde PERSISTENTE por mais de duas semanas.